Tudo Menos Economia

Por

Bagão Félix, Francisco Louçã e Ricardo Cabral

Fevereiro 2018

Ricardo Cabral

28 de Fevereiro de 2018, 19:14

Por

O dinheiro “jorra” nos cofres públicos …

A síntese de execução orçamental da DGO relativa ao mês de Janeiro de 2018 traz boas notícias. O saldo orçamental, em contabilidade pública, melhorou mais 150 milhões de euros (M€) em relação ao mesmo mês do ano passado e foi positivo (775 M€, i.e., 0,4% do PIB). Mas o indicador mais relevante é o saldo primário, isto é, a diferença entre receitas e despesas públicas antes da despesa com juros, que melhorou 410 M€ em relação a Janeiro de 2017…. Continuar a ler ›

António Bagão Félix

26 de Fevereiro de 2018, 09:08

Por

As árvores já não morrem de pé

Um plátano foi decepado na Avenida da Liberdade em Lisboa. Algumas pessoas de um autocarro de turismo ficaram feridas num insólito choque com a ramagem alta da árvore. Perante o sucedido, abriu-se o inquérito do costume, vai averiguar-se se o veículo teve algum desvio na sua circulação, far-se-ão investigações apropriadas e, certamente, no fim teremos, como nas histórias infantis e apesar de alguns percalços, um final relativamente feliz. O seguro do veículo funcionará com mais ou menos dificuldade e as… Continuar a ler ›

Ricardo Cabral

25 de Fevereiro de 2018, 18:37

Por

Conglomerados financeiros ou gigantes “Titanics”?

Vários conglomerados gigantes, construídos recentemente, que apostaram numa estratégia de crescimento, através de aquisições com recurso a dívida a taxas de juro elevadas, estão a enfrentar dificuldades. Na Europa, destaca-se o grupo Altice que controla parte da antiga Portugal Telecom. A Altice detinha 74 mil milhões de euros de activos no 3T2017, dos quais 48 mil milhões de euros de activos intangíveis e “goodwill”, 52 mil milhões de euros de dívida e capitais próprios negativos de 1,8 mil milhões de… Continuar a ler ›

António Bagão Félix

22 de Fevereiro de 2018, 09:11

Por

Era uma vez uma não decisão

Um sociólogo americano escreveu um dia uma historieta que ficou conhecida como o paradoxo de Abilene. Conta-se em poucas palavras: tratava-se de uma família texana que vivia numa cidade chamada Coleman. Num sábado à tarde de muito calor, estando todos em casa, a filha do casal terá lançado para o ar a pergunta se não quereriam ir jantar a Abilene, cidade a cerca de 70 quilómetros. A avó respondeu: se a tua mãe quiser podemos ir; a mãe, por sua… Continuar a ler ›

Ricardo Cabral

21 de Fevereiro de 2018, 18:54

Por

As instruções do BCE para “congelar” depósitos

Esta segunda-feira, o BCE “instruiu” o supervisor bancário da Letónia para impor uma moratória aos passivos de um dos maiores bancos desse país, o banco ABLV, tendo divulgado publicamente essa “instrução”. ­­O interessante do caso é que, pese embora a vontade do BCE expressa em várias instâncias, em possuir mais esse poder e autoridade quase sem limitações ou restrições sob o risco de perda de eficácia, a verdade é que a proposta da atribuição ao BCE de poderes de moratória… Continuar a ler ›

António Bagão Félix

19 de Fevereiro de 2018, 09:07

Por

O Acordo Mortográfico na AR

A petição “Cidadãos contra o ‘Acordo Ortográfico’ de 1990” é amanhã debatida na AR, bem como um louvável projecto de Resolução do PCP, o único que recomenda o recesso de Portugal do AO, outras medidas de acompanhamento e uma nova negociação das bases e termos de um eventual Acordo Ortográfico. Com base nesta amálgama ortográfica, no que leio e no que até já vi ensinado (!), ficcionei um texto-caricatura para ilustrar este absurdo na nossa língua escrita. A bold assinalei… Continuar a ler ›

Tópicos

Pesquisa

Arquivo