Tudo Menos Economia

Por

Bagão Félix, Francisco Louçã e Ricardo Cabral

Francisco Louçã

17 de Janeiro de 2015, 15:00

Por

Faça o favor de não pertubar: há eleitores sensíveis na sala

perturbarAlberto Costa, destacado dirigente do PS, fez uma declaração política de fundo no parlamento. Apresentou o ponto de vista do seu partido: os eleitores julgarão os anos PSD-CDS e a sua austeridade, o mal e a caramunha que nos foram feitos.

Mas, perguntado sobre as alternativas do PS, sobre as suas propostas concretas, sobre as respostas aos grandes problemas que definem Portugal, como o Tratado Orçamental, preferiu justificar o silêncio, porque “A avaliação [dos eleitores] não deve ser perturbada”.

Como é que alguém se lembrou dessa ideia estapafúrdia de “perturbar” a avaliação dos eleitores submetendo-lhes a mais perturbante das ideias, como seja uma proposta para a governação do país? Imagina esse irresponsável a “perturbação” que por aí grassaria, a corrida aos depósitos, os carros a passarem o semáforo vermelho, os peões fora das passadeiras, os cães de companhia em agonia, os políticos a precipitarem-se para o telefone, as empresas paradas, os cacilheiros encalhados, se o PS perturbasse a avaliação dos eleitores com uma proposta? Deus nos livre de tal desígnio.

 

Comentários

  1. Do alto das minhas tamancas com 80 anos de uso , ainda ouso e quero ter esperança numa mudança de mentalidades bacocos, indiferentes e desinformadas da população votante na maioria tão gasta quanto eu e a quem ,no alvorecer de abril .nada ensinaram , mas que ainda acordem. Não chegam os apertões que a «direita » lhes tem dado ?Estamos todos cheios de nódoas negras.
    . Auto-didatismoI MESMO EM POLÍTICA é uma gangrena.Política deixada ao deus dará é grave. Não leva a nada .Mantiveram-se encolhidos à espera de …outro ditador. É que o Tóino das Oliveiras tornou-os em ovelhas e a Santa Madre Igreja ensinou-lhes que as «setas apontam para o céu e vermelho é cor do diabo .Quando em 2000 surgiu o BE superei alívio .O pior é que o BE estava infiltrado de «tendenciosos » que lhe impediram o crescimento. A «esquerda » não p+arende mesmo que a UNIÃO FAZ A FORÇA

  2. ensejo (o mesmo que oportunidade) http://www.nytimes.com/2015/01/18/travel/in-portugal-a-land-finely-aged-like-wine.html?_r=0 o mais interessante é o 1. parágrafo e por lá me fico – porque é passando a ponte que se vai rumo ao sul..
    Mas o que mais espanta é esse suposto ultimo governo socialista dizer que ia passar o tgv por évora para ficar a 30 min lisboa , e ainda ia por o aeroporto na margem sul , por cima de 1 campo de tiro
    um país assim… que não vê e não conhece a curva (leia-se ponte “Vasco da Gama”) q já custou um bons milhões (“uns bons miilhões”) não podia nem pode ir mt longe .. A costa vai pelo mesmo caminho : regulamentar-se com bruxelas e negociar o financiamento
    bem vindo aos tempos modernos : curva- nem vê-la , só o trote – galope ; bem dizem os velhinhos que o poder é da ordem da natureza..

    1. umm
      parece-me que a criatura ganha aversão , algo que não quer encarar
      mas e o que é o silêncio senão o embargo às palavras verdadeiras . castração e mutismo no ps , portanto

  3. a unica coisa q tou a ver , se nada mudar é que vamos ter uma eleições “mansas” no prox. outubro
    isso : mansas , os fiéis do pds-cds vao lá , o ps reune o “voto de prostesto” ao psd-cds , o pcp tem 10% ; se os dois primeiros dessem 70% + 10 % do pcp , são 30% de eleitorado a flutuar
    30% de eleitorado é uma nação , Louçã :: a Mariana Mortágua é boa mas deviam fazer réplicas , Semedo é um Crânio mas não lhe dão o estojo
    e por aí fora

  4. era nesta que lhe dizia
    que Alberto Costa diz que é ponto assente , uma ética da responsabilidade weberiana
    as vezes vejo o canal parlamento , ar-tv, para matar as tardes ; isso : “matar” as “tardes”

Responder a hermínio Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Tópicos

Pesquisa

Arquivo