Devotos de santos trópicos, escutai: A lua fez a noite tornar-se dia no Príncipe

Fotografia por Daniel Rocha Para quem professa a religião balnear, especialmente para os devotos de santos trópicos, a chegada a um eco resort que promete estar perfeitamente integrado na paisagem, que tem um ilhéu e duas praias, apenas um punhado de bungalows e silêncio na piscina é um teste. Quando esse teste é superado – […]






Carlos Marx, guia turístico

Fotografia por Daniel Rocha O Príncipe não é uma ilha qualquer, um desses paraísos há muito nada perdidos e prontos para tudo o que o turista quiser. É uma ilha para descobrir como se fôssemos quase os primeiros, onde as crianças não pedem doce-doce-doce como em algumas zonas da vizinha São Tomé, mas sim fotos […]






Manual de sobrevivência num postal ilustrado, edição ilha do Príncipe

Fotografia por Daniel Rocha A paisagem é demolidora, verde e densa, a areia enganadora, morna e alaranjada, e o mar aquilo que se quer – idílico, azul, límpido e nunca frio, mas também não demasiado quente. E depois há as pessoas, sorridentes, abertas e acolhedoras, dentro e fora das fronteiras de um resort sem pulseiras […]






Como sobreviver a um canibal, o Mundial de Futebol e o sonho americano

Clichés de viagem e viajantes: trocar histórias de guerra, prazeres culinários, paixões e irritações. E dizer que não interessa o destino, mas sim a viagem, parafraseando Ralph Waldo Emerson. Aqui, no meio da Bahia, rumo ao arquipélago de Tinharé, não se pode dizê-lo com tanta veemência. É que o destino é mesmo, mesmo bom. Mas […]






Ferry de sábado à noite

É uma festa. O barco chega e já somos muitos, dezenas, colados à grade, colados uns aos outros, colados de calor e humidade. É sábado à noite em Salvador da Bahia e Itaparica vai ser nossa. Mas antes de lá chegarmos, um ferry boat que mete carros, crianças, cães, café, malas, sacos, cervejas, violões e muitas […]






Uma cobra chamada Tapioca

“A velocidade que empolga é a mesma que mata”, avisa-nos a estrada rumo à Praia do Forte, um dos destinos mais procurados da região e um dos muitos cartões postais do Brasil. Chegámos à Bahia há menos de 48 horas e fizemo-nos à estrada à margem da qual tudo acontece: vende-se fruta, passa-se a via […]






Pico by the sea

Murakami propunha Kafka, mas aqui fala-se ainda e sempre do Pico. Talvez uma das melhores vistas da ilha-montanha, salvo aquela que vê espreitar o ponto mais alto de Portugal do cimo de um avião, é do mar. Onde antes se caçavam baleias, agora respeitam-se as ditas e os seus colegas de carteira, os golfinhos, enquanto […]






Pico-a-boo

Ora o Pico escondeu-se no sábado mas no domingo, já que a montanha não ia a Maomé, os maomés foram à montanha. Há várias teses e medidas sobre quanto tempo leva a subir – a pé – e a descer – a pé – o Pico. Uma média de cinco horas que ascende às sete ou às três […]






Ceci n’est pas un Pico

Seis horas e meia, umas boas de dezenas de quilómetros e muitas linhas de costa e muitas mais ainda de colinas, montes e vales, vimos todo o Pico. Todo? Não. Uma montanha que é o ponto mais alto de Portugal ainda resiste aos visitantes. E a vida não é nada fácil para os jornalistas que […]