É Verão na Suécia. Faça sol, faça chuva

Cortesia Cicerophoto (© Todos os direitos reservados)

24ºC. Parcialmente nublado. 50 por cento de probabilidade de precipitação e forte possibilidade de ocorrência de trovoadas.

Numa enseada rodeada de verde por todos os lados – que até a água é de um verde tão escuro que não se vislumbra qualquer transparência – uma mão-cheia de miúdos de cabeleira loira e corpo esguio encena saltos para a água de uma prancha de mergulho. O Sol brilha e as previsões meteorológicas parecem ter falhado redondamente.

Estamos a percorrer a estrada que acompanha o lago Gröen, no condado de Västra Götaland, a cerca de uma vintena de quilómetros de Gotemburgo e a dirigirmo-nos para uma zona onde, dizem-me, o povo sueco chega para retemperar forças. Por isso, são pedidos cuidados redobrados na condução. Tanto na estrada, quase demasiado estreita para um quanto mais para os dois carros que supostamente podem cruzar-se a qualquer altura (principalmente junto às casas onde estão famílias com crianças), como nos trilhos off-road, que nos recebem mais enlameados do que seria de esperar.

De regresso, os miúdos continuam a saltar para a água sob o olhar atento de uma garota nos seus 13 ou 14 anos, meio dentro, meio fora de água, de costas para a margem e cotovelos apoiados nos muros que parecem delimitar uma improvisada piscina natural.

Está a chover. Já trovejou enquanto percorríamos os trilhos. A temperatura baixou e anda agora pelos 20ºC. Mas a miudagem continua por aqui. É Verão na Suécia.

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>