Tudo Menos Economia

Por

Bagão Félix, Francisco Louçã e Ricardo Cabral

Sociedade

Ricardo Cabral

19 de Novembro de 2017, 20:02

Por

Há mais vida para além da dívida!

A frase “há mais vida para além do défice” ficou, apesar de Jorge Sampaio não a ter proferido nestes termos. Mas o facto é que a vida dos portugueses ficou à espera que o problema do défice fosse resolvido nos últimos anos. Pensões e salários foram cortados e não foram ajustados à taxa de inflação. O desemprego aumentou. Carreiras foram congeladas. Mas sobretudo as expectativas dos Portugueses baixaram. No presente, as reivindicações de professores, polícias, militares, médicos e outros profissionais… Continuar a ler ›

António Bagão Félix

16 de Novembro de 2017, 08:32

Por

Dez palavras: na moda, mas feias

Aproxima-se o dia do anúncio dos dez vocábulos para a votação da “Palavra do ano”, uma interessante iniciativa da Porto Editora desde 2009. Enquanto aguardamos, resolvi fazer uma outra escolha: a das 10 palavras mais feias que por aí andam de braço dado com modismos ou encavalitadas em posologia tecnocrática. Fealdade, evidentemente subjectiva. Ou feiura, que só não está entre as eleitas porque ninguém a balbucia. Para mim, a estética da palavra é uma mistura quase sinestésica do som, da textura… Continuar a ler ›

António Bagão Félix

13 de Novembro de 2017, 08:50

Por

A praga da omissão (enviesada) nos media

Estamos num tempo em que a verdade é suplantada pelas múltiplas formas da mentira: a meia-verdade, a notícia falsa, o rumor, a agora chamada pós-verdade e outras formas capciosas de falsificar a factualidade. Para além destas, há a mais insidiosa forma de eliminar a verdade factual, não a negando, mas omitindo-a. O silêncio que transporta é, não raro, uma forma sibilina de esconder, falsificar, suprimir, reduzir o que se passa. A omissão deliberada ou consentida em meios de comunicação social… Continuar a ler ›

Ricardo Cabral

12 de Novembro de 2017, 18:09

Por

As décimas “estruturais” dos gambozinos

A polémica que se instalou em torno das críticas da Comissão Europeia (CE) à proposta do Orçamento do Estado de 2018 (OE2018) justifica que se volte ao tema do saldo estrutural, conceito ininteligível para o comum dos mortais e variável não mensurável, ou seja, uma literal caça aos gambozinos económicos, que é em si reveladora dos graves problemas da União Europeia, porquanto se preocupa em demasia com as décimas “estruturais” dos gambozinos, descurando temas muito mais importantes para o desenvolvimento… Continuar a ler ›

António Bagão Félix

9 de Novembro de 2017, 08:43

Por

Senhor Vigário e vigários senhores

Há quase 100 anos, Fernando Pessoa escreveu um arguto conto intitulado “A origem do conto do Vigário”. Melhor dito, do senhor Vigário. Manuel Peres Vigário, de nome completo. Uma história em que o dito cavalheiro ao fazer as vezes de um outro (é isso que etimologicamente significa vigário), por sinal trapaceiro, alterou o conto do Senhor Vigário que passou, definitivamente, ao genérico e hifenizado conto-do-vigário. Daí até ao “ensinar o padre-nosso ao vigário”, foi um pequeno salto para a criatura,… Continuar a ler ›

Ricardo Cabral

5 de Novembro de 2017, 15:34

Por

Portugal não é a Grécia?

O Governo da Grécia está a procurar realizar uma troca de obrigações, que contribua para aumentar a liquidez e as transacções no mercado de dívida da Grécia. A propósito desta operação financeira é oportuno começar por analisar a evolução de alguns indicadores relativos à Grécia e a Portugal.    F: Eurostat   A Grécia realizou uma reestruturação de quase 200 mil milhões de euros da sua dívida pública (cerca de 56% do total) em Fevereiro de 2012, que resultou numa… Continuar a ler ›

Tópicos

Pesquisa

Arquivo