Tudo Menos Economia

Por

Bagão Félix, Francisco Louçã e Ricardo Cabral

Personalidades

Francisco Louçã

12 de Setembro de 2017, 06:32

Por

Em defesa de António Chora

Manuel Carvalho da Silva e António Chora foram os dois sindicalistas mais influentes em Portugal nos últimos vinte anos. Ao terminarem os seus mandatos, ambos foram vítima de campanhas de difamação, geradas por rasteiros ajustes de conta, que desmerecem e atingem o grande movimento social em que se destacaram. Um porque se doutorou e dedicou ao ensino e à investigação, não reduzindo a sua actividade nem querendo ficar dependente de prebendas, o outro porque diz o que pensa, baseado na… Continuar a ler ›

Ricardo Cabral

13 de Agosto de 2017, 17:06

Por

Que caminhos para as finanças públicas da Alemanha, pós-eleições?

Wolfgang Schäuble, ministro das finanças da Alemanha desde 2009, é um dos principais arquitectos da política de austeridade da zona euro. Mas, se nos habituamos a criticar Schäuble pelo desastre económico que se abateu sobretudo sobre os países da “periferia” (Grécia, Irlanda, Itália, Portugal, Espanha), afigura-se que a política económica de Schäuble é, também, no longo prazo, prejudicial para a Alemanha. No que respeita à política orçamental da Alemanha, o objectivo do ministro das finanças parece ser o de que… Continuar a ler ›

António Bagão Félix

7 de Agosto de 2017, 08:50

Por

O forrobodó na Casa Branca

Escrevo em Casa Branca sobre a Casa Branca. Na generosa e serena Casa Branca do Alto Alentejo, sobre a Casa Branca de Washington, que agora tem como inquilino (ou senhorio?) Donald Trump. Eleito com surpresa, depois de se ter negligenciado a sua candidatura e vencendo uma opositora que fez uma campanha baseada até à exaustão na “correcção política” e na ilusão de que se ganha uma eleição somando todas as preferências de minorias da nação americana. Sete meses foram suficientes… Continuar a ler ›

António Bagão Félix

10 de Julho de 2017, 10:51

Por

Cativações, para além da espuma

Recorrentemente, lemos e ouvimos opiniões e contradições à volta das “cativações orçamentais”, ou seja, das retenções de parte da despesa orçamentada, que exigem a prévia autorização do ministro das Finanças para serem desbloqueadas. Sempre houve as ditas cativações, mormente sobre despesas de capital e investimento e despesas com a aquisição de bens e serviços externos. No fundo, e em linguagem simples, trata-se de um mecanismo que as Finanças têm para, discricionariamente, ajustar a execução orçamental às metas desejadas durante o… Continuar a ler ›

António Bagão Félix

29 de Junho de 2017, 08:50

Por

A praga das conferências e quejandos

A “liturgia” conferencista tem associada uma hierarquia na sua denominação. Começa por uma despretensiosa mesa-redonda, um simples painel ou um passageiro encontro ou jornada. Passa depois para os rituais intermédios de uma palestra, de um seminário, de uma conferência. Termina com a grandiloquência de um simpósio, de uma convenção, de uma oração de sapiência ou de um congresso. Como os temas já estão quase todos repassados até à exaustão, a técnica de chamamento é a de juntar-lhes um qualquer aditivo… Continuar a ler ›

António Bagão Félix

26 de Junho de 2017, 08:19

Por

Miguel Beleza

Há poucas semanas, havíamos conversado pelo telefone. Pelas duas últimas vezes. Por sua iniciativa. Do Miguel, adepto do FC Porto, para mim, benfiquista. Com a elegância e com a genuinidade que sempre transportava, o Miguel entendeu que me deveria dar os parabéns. Por causa de vitórias no futebol, esse desporto que se vem transformando num multiplicador de zangas, senão mesmo de ódios. Da primeira vez, felicitou-me pelo tetracampeonato. Da segunda vez, pela conquista da Taça.  Falo deste detalhe, apenas para… Continuar a ler ›

Tópicos

Pesquisa

Arquivo