Tudo Menos Economia

Por

Bagão Félix, Francisco Louçã e Ricardo Cabral

Francisco Louçã

6 de Dezembro de 2016, 11:40

Por

Saturno e os seus filhos

Calma. Os prognósticos do apocalipse eram um pouco exagerados. Vinham de todas as partes, é certo: os opositores do Brexit anunciavam a catástrofe se o Reino Unido escolhesse sair da União Europeia, muitos continentais suspiravam por um momento clarificador que iluminasse os erros da instituição europeia. E, no entanto, “os mercados”, o termómetro dos nossos dias, não tugiram nem mugiram. Nem há recessão no Reino Unido, nem os capitais fugiram, nem a União desbancou. O mesmo em Itália. O referendo… Continuar a ler ›

António Bagão Félix

5 de Dezembro de 2016, 08:53

Por

A geringonça vocabular do ano

Começou a votação para a palavra de 2016, excelente iniciativa da Porto Editora desde 2009. Foram seleccionadas dez palavras: Brexit, campeão, empoderamento, geringonça, humanista, microcefalia, parentalidade, presidente, racismo e turismo  (hélas, sem versões acordistas!) Palpito que geringonça vai vencer. Se tal acontecer, será a vitória do calão, assim fazendo jus à sua presença crescente na linguagem oral e nas redes sociais. Um vocábulo da política deste ano, cognome da maioria governamental, que teima em querer contrariar o que, nos dicionários,… Continuar a ler ›

Ricardo Cabral

4 de Dezembro de 2016, 12:43

Por

Recomeçar de novo na CGD: é preciso

O Governo, aparentemente, pretende que a nova administração da CGD cumpra o plano que António Domingues preparou e que, em conjunto com o Governo, negociou com a Comissão Europeia (Direcção Geral da Concorrência, DGComp) e para o qual existe um “acordo de princípio”. Embora o plano acordado não seja publicamente conhecido, nem tenha sido formalmente aprovado, sabe-se que contempla uma injecção de capital de perto de 5200 milhões de euros, dos quais: cerca de mil milhões de euros por privados… Continuar a ler ›

Francisco Louçã

2 de Dezembro de 2016, 11:59

Por

Mad Dogs por todo o lado

A tragédia do Chapecoense poderia ser uma parábola dos nossos tempos, no pior e no melhor. É aparentemente o resultado de um comportamento empresarial sinistro, pois o avião não teria combustível para a viagem e apostou em ventos que lhe poupassem alguns minutos. Consumada a tragédia, esta deu origem a uma vaga de afecto que nem a paixão futebolística permite explicar, talvez seja antes o resultado da indignação perante a cobardia daquela morte. E, entre essas atitudes, ressalta uma: a… Continuar a ler ›

António Bagão Félix

1 de Dezembro de 2016, 09:16

Por

Assunto encerrado

Dizem os dicionários que “assunto encerrado” é uma expressão usada para finalizar um tema, uma conversa ou um problema em matérias complicadas ou conflituosas. “Assunto encerrado”: é usando esta expressão que o chefe do Governo e alguns ministros costumam decretar o fim de qualquer imbróglio político que enfrentam. Sem mais. Assim deixam de falar no incómodo assunto, a oposição ainda resmunga, mas vai esquecendo com o decorrer do tempo, a culpa por via de osmose política dissolve-se ou é sacudida… Continuar a ler ›

Francisco Louçã

1 de Dezembro de 2016, 08:57

Por

Letizia vestiu roupa em segunda mão?

O país adorou. As televisões seguiram em directo os três dias, chave do Porto e chave de Lisboa, cerimónias de fraque, jantar em paço ducal, cada visita era uma revelação, esperava-se o momento em que a rainha ou o rei dissessem para algum doente, “levanta-te e anda”. Milagre suave foi em todo o caso esta adoração dos reis, antes dos que chegam pelo Natal e são companhia garantida. Mas estes, que enlevo, majestades, sabem mesmo dizer umas palavras em português…. Continuar a ler ›

Tópicos

Pesquisa

Arquivo