Dia de despedimentos

Hoje foi dia de despedimentos em duas grandes multinacionais de tecnologia: a Microsoft vai dispensar cinco mil trabalhadores e a Intel entre cinco e seis mil.

Os despedimentos da Microsoft são acompanhados do anúncio de uma muito provável quebra nos lucros durante os próximos tempos.

A crise económica e o consequente impacto negativo no mercado são uma das razões para o abrandamento do negócio da Microsoft.

Há, contudo, uma outra, e mais curiosa, razão para a redução de receitas com a venda do Windows: a explosão do negócio dos netbooks.

Nota a Reuters que não só a Microsoft tem uma menor margem com a venda de Windows para netbooks, como muitos destes equipamentos – que podem vir a ter um efeito de canibalização no mercado dos portáteis – estão equipados com Linux.

Esta entrada foi publicada em Negócios com os tópicos , , . Guarde o href="http://blogues.publico.pt/tecnopolis/2009/01/22/dia-de-despedimentos/" title="Endereço para Dia de despedimentos" rel="bookmark">endereço permamente.

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>