Ainda a morte da blogosfera

O anúncio do Paulo Querido relativo à comunicação que faria sobre o fim da blogosfera originou algum debate (incluindo aqui no Tecnopolis).

Os slides da apresentação em causa já estão disponíveis no site do Expresso.

Paulo Querido tem uma afirmação interessante sobre o relativamente pequeno debate que se seguiu ao post:

Era simplesmente irresistível fazer, no meu blog pessoal, um post intitulado “O fim da blogosfera”. Um post normal, informando do IV encontro a escassos dias da sua realização, e dando notícia do teor da minha apresentação.

Bem. Só não caiu o Carmo e a Trindade na blogosfera porque, a bem dizer, já não há (energia na) blogosfera. Um título destes em 2006 teria pegado fogo à blogosfera, que então existia, em todo a energia das suas juvenis borbulhas.

Esta entrada foi publicada em Cibersociedade com os tópicos . Guarde o href="http://blogues.publico.pt/tecnopolis/2008/11/17/ainda-a-morte-da-blogosfera/" title="Endereço para Ainda a morte da blogosfera" rel="bookmark">endereço permamente.

2 comentários a Ainda a morte da blogosfera

  1. Caro joaon, obrigado por mencionar que eu terei sido, em algum momento da minha vida, uma referência da blogosfera nacional. Mas é simplesmente amabilidade sua. Na verdade, nada tem a ver com isso. O título teria feito correr muitos blogs em 2003, 2004, 2005 e até mesmo 2006 — fosse quem fosse que o fizesse.

    Responder

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>