Vania

De quando em quando dou por mim a pensar no futuro do nosso planeta.

Como será o mundo daqui a 50 anos? Qual o futuro dos meus filhos e das crianças de hoje?

Transcende-me o facto dos senhores presidentes, ministros, conselheiros e afins dos “grandes” países não se preocuparem com o futuro deste nosso mundo – que passa por ser também o deles – e com questões tão pertinentes como as emissões de carbono e o efeito de estufa. Como pode o ser humano ser tão egoísta?

De facto não podemos mudar o mundo, mas podemos dar uma ajudinha!

A separação do lixo doméstico já faz parte do meu quotidiano desde há cerca de 10 anos; compro produtos biológicos duas a três vezes por mês; reutilizo o papel de fotocópia/impressora; tento poupar electricidade e água em casa.

Sou um ser consciente e o meu bem-estar passa por estar em harmonia com o meio-ambiente, não só para meu benefício mas também para o daqueles que me rodeiam e são próximos.

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>