Manuel António Pina visto por Dinis Leal Machado

“Quem é Manuel António Pina?”, filme que, no final de Novembro passado, obteve o 2.º Prémio na Cat­e­go­ria Ani­mação no 7.º Con­curso de Vídeo Esco­lar 8 e Meio, é um excelente trabalho escolar. É um óptimo modo de aproveitar as potencialidades que a Web 2.0 oferece a quem quer, ao mesmo tempo, estudar com rigor e ser criativo. É, portanto, um exemplo que merece ser seguido, razão por que pedimos […]






O exemplo do Dinis Leal Machado

O “eduquês”, como muito avisadamente explica Maria Emília Brederode Santos no PÚBLICO de hoje, é um “chavão-espantalho”, uma “forma de bullying verbal”. E, em não raras ocasiões, fica-se também com a impressão que a palavra é usada para denunciar qualquer vestígio de alegria em ensinar e aprender, como se a satisfação tivesse de ser forçosamente incompatível com o estudo metódico […]






É preciso conhecer os interesses das crianças, uma recomendação com 50 anos

É preciso observar muito as crianças para conhecer os seus interesses naturais, susceptíveis de serem explorados pelo educador, defendia-se no artigo “O professor ainda tem muito que aprender com a criança”, que o Diário de Lisboa publicou no dia 2 de Janeiro de 1964. Nele se afirma que “a psicologia da criança mereceria ser mais […]






Irene Lisboa e a educação da criança

Irene Lisboa assina no Diário de Lisboa de há 50 anos uma reflexão sobre a educação da criança. “Não são propriamente os conceitos verbais, isto é, as ideias expressas em palavras, que melhor lhe formam o entendimento e lho impulsionam”. A criança, diz a escritora, “pensa no meio de acções, exercita o seu espírito agindo”. É […]






Propósitos educativos de há 50 anos

O dia 1 de Janeiro, como ainda hoje sucede, apresentou-se há 50 anos sem jornais. No segundo dia de 1964, também uma quinta-feira, o Diário de Lisboa dedicou uma página a questões educativas. “Eduquemos o nosso filho! Ano Novo – Vida Nova”, dizia o título do texto principal, que começava com uma pergunta assaz apropriada […]






Duas regras para o ano lectivo que está a começar

Por estes dias de regresso às aulas, os jornais e as revistas enchem-se de conselhos endereçados a alunos, pais e professores. Bastante útil é a recomendação para os pais conversarem com os filhos sobre as regras relativas ao uso quotidiano dos ecrãs. Uma das normas deve estabelecer o tempo diário global para ver televisão, navegar na Internet e […]






As novas tecnologias não bastam para que haja inovação educacional

É errado julgar que o uso das Tecnologias da Comunicação e da Informação é suficiente para promover a inovação educacional. A afirmação é de Claudia Maria Lima, professora do Departamento de Educação da Universidade Estadual Paulista e coordenadora de uma recente investigação sobre novas tecnologias e inovação, e é citada por Marcus Tavares, especialista em […]






Usar o jornal escolar para ter uma escola mais limpa

Um bom exemplo de como se pode aproveitar a imprensa escolar para aumentar o nível de civismo encontra-se no mais recente número do Encontro, o jornal da Escola Secundária Francisco de Holanda, Guimarães. Num texto intitulado “Quem faz a Escola és tu”, Verónica Gomes, aluna do 10.º ano CSE 1, pede aos colegas para, por […]






Psiquiatra quer crianças com mais jogos e livros e menos tablets

Os tablets tácteis produzidos para crianças conhecem um sucesso comercial crescente, noticia hoje o diário francês La Croix, que, a propósito, escutou o que tem a dizer uma das pessoas que mais sabe sobre como é e como deveria ser a relação dos mais novos com os ecrãs, o psiquiatra e psicanalista Serge Tisseron, autor […]






Discutir os trabalhos para casa

A França, por iniciativa do Presidente da Republica, François Hollande, tem andado por estes dias a discutir o que fazer para melhorar a escola. As vantagens e os inconvenientes da realização dos trabalhos de casa são um dos tópicos da discussão. Numa entrevista concedida ao diário Le Monde (“Quatre heures de devoirs encadrés par semaine seraient suffisantes”), […]






Reparem no tempo que a educação ocupa nos noticiários televisivos…

Lendo centenas de jornais e revistas escolares, é possível ficar a saber que, em estabelecimentos de ensino de todo o país, se realizam iniciativas extraordinárias de enorme mérito e significado. Muitas (a grande maioria, com certeza) não suscitaram o interesse mediático merecido. Não havendo sarilhos, o que se passa nas escolas não recebe a atenção […]