“Os media e a crise dos refugiados” para educar para os media e defender os direitos humanos

P23 os media e a crise dos refugiados
Oferecer pistas e ferramentas para um posicionamento crítico e esclarecido sobre a crise dos refugiados é o objectivo de Os media e a crise dos refugiados. Agenda de Actividades, que o Seminário Permanente de Educação para os Media, do Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho, apresentará nos próximos dias. Manuel Pinto, Sara Pereira e Maria José Brites, coordenadores da publicação, explicam na introdução que a Agenda reúne 29 propostas de actividades, na sua maioria dedicadas a crianças e jovens.
“Abrindo com um conjunto de propostas que pretendem reflectir e analisar o conceito, a situação e as rotas dos refugiados, as actividades seguintes apresentam diferentes ângulos de abordagem desta problemática, recorrendo aos media ora como objecto de exploração e análise, ora como recurso de aprendizagem”, dizem os coordenadores. As sugestões de trabalho escolar pretendem “inspirar todos aqueles que pretendam compreender melhor, ou ensinar a compreender melhor, as circunstâncias, causas e características da movimentação de centenas de milhar de pessoas oriundas da Síria, e em geral do Médio Oriente, assim como de África”.
Manuel Pinto, Sara Pereira e Maria José Brites explicam que, com a Os media e a crise dos refugiados, se pretende ainda educar para os media, promovendo a análise do modo como eles têm tratado o problema: “os aspectos que mais salientam, as imagens que publicam, os sons que propagam, os problemas que (não) explicam, as histórias que (não) apresentam, bem como as zonas de silêncio e de nebulosidade que nos podem impedir de ver e de ler melhor o mundo em que vivemos”.

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>