Lição sobre a vírgula

A mudança de sítio de uma vírgula pode salvar uma vida? A resposta é sim. O imperador Carlos V, conta José Antonio Millán, em Perdón, imposible. Guía para una puntuación más rica y consciente (Barcelona: RBA, 2005), tinha decretado uma sentença de morte, não acudindo ao perdão que lhe tinha sido endereçado: “Perdão impossível, cumprir a condenação”. Mas uma inspiração magnânime ditou uma correcção: “Perdão, impossível cumprir a condenação”. Mudando a vírgula de sítio, foi poupada uma vida.
“Uma vírgula muda tudo”, diz também um conhecido anúncio da Associação Brasileira de Imprensa.

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>