Como organizar um jornal escolar


Diversos jornais e revistas escolares têm o hábito de espalhar por algumas das suas páginas textos redigidos em línguas estrangeiras, sobretudo em inglês, mas também em francês e alemão. Este procedimento ocorre sobretudo em publicações que apresentam algum emparcelamento disciplinar. O mosaico de textos em diferentes línguas torna a prática mais evidente. Cada disciplina reivindica um espaço no jornal e usa-o como bem ou mal lhe apetece. Se assim não é, assim parece a quem aprecia o resultado final. Sucede que os jornais e as revistas não são exactamente condomínios fechados, em que cada morador dispõe de uma casa para nela fazer o que quiser.
Para que uma publicação escolar se apresente menos retalhada, é necessário definir um modo de a organizar, estabelecendo que secções deve apresentar.
Ordenando um conjunto de conteúdos muito comuns na imprensa escolar, o jornal pode ter, por exemplo, um tema em destaque nas primeiras páginas (as 2 e 3). As seguintes podem incluir notícias e reportagens sobre a escola; sobre as principais actividades realizadas, um colóquio promovido para assinalar uma efeméride, uma exposição dinamizada por um clube, um torneio desportivo, etc. (páginas 4 a 7). Depois, virá alguma informação sobre a comunidade local; sobre uma visita de estudo a um museu da terra ou a falta de um passeio que permita que se chegue e regresse da escola em segurança (páginas 8 e 9). Uma entrevista, acompanhada de um perfil do entrevistado, pode preencher uma ou duas páginas (as 10 e 11). Após uma ou duas páginas reservadas a artigos de opinião, assinados por alunos, professores e outros membros da comunidade educativa (páginas 12 e 13), haverá espaço para recomendar livros, filmes e músicas (páginas 14 e 15). Na última página (a 16), pode inserir-se um inquérito sobre um tema de relevância educativa.
As secções e a ordem de apresentação, como é óbvio, podem ser outras, mas, trate-se de um jornal do primeiro ciclo ou do secundário, de uma escola ou de um agrupamento, não se pode prescindir de uma arrumação (e do uso de diversos géneros jornalísticos).

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>