Como ajudar os alunos a pesquisar na Internet?


Como ajudar os alunos a pesquisar na Internet? Há, evidentemente, respostas diversas para esta questão. Uma delas é dada por Gilles Vergne, professor de filosofia no ensino secundário e um dos colaboradores de L’École, le Numérique et la Société (Paris: Mille et une nuits, 2012), obra organizada por Denis Kambouchner, Philippe Meirieu e Bernard Stiegler. Numa entrevista concedida ao número de Outono de France Culture Papiers, uma revista da rádio France Culture, Gilles Vergne começa por constatar que os alunos “fazem as pesquisas por eles próprios, mas fazem-no, quase sempre, mal”. É por isso que o docente diz tentar promover uma abordagem metodológica, mostrando aos alunos que, efectuando uma pesquisa no Google, se obtém uma infinidade de resultados nem sempre de grande pertinência. É, pois, necessário ensiná-los a reparar no modo como um site está editado, quem é que o faz, etc.
“Os alunos encontram-se num completo imediatismo!”, lamenta o professor. “Escrevem no Google o que pretendem pesquisar – um tema de filosofia, por exemplo – e acedem ao primeiro site que aparece na busca sem verificar minimamente o que lá se encontra”. Depois, conta Gilles Vergne, “começam a copiar estupidamente”. As buscas oferecem resultados caricatos. O docente constatou, por exemplo, que, “quando estão a estudar artes plásticas e fazem alguma pesquisa sobre pintura, os alunos vão parar aos sites mais importantes sobre bricolage”.
A experiência de Gilles Vergne é a de muitos outros professores. “Os alunos abrem maquinalmente os sites e passam completamente ao lado do próprio sentido da investigação”. Eles confrontam-se com uma enorme profusão de informações “que utilizam sem discernimento”. Para os ajudar, há algo simples que pode começar a ser feito, seguindo o exemplo deste professor do ensino secundário: “Quando faço alguma pesquisa diante deles, procuro mostrar que é preciso verificar a fiabilidade das informações que nos aparecem e que isto exige, como qualquer aprendizagem, um trabalho crítico”.

Um comentário a Como ajudar os alunos a pesquisar na Internet?

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>