O jornal na sala de aula: Amor de Perdição


A primeira edição de Amor de Perdição foi publicada há 150 anos. Para assinalar a efeméride, têm sido promovidas diversas iniciativas de natureza variada em diversas localidades do país. A obra de Camilo Castelo Branco tem também sido relembrada nos jornais. Hoje, nas páginas centrais do Público, encontra-se “Amor de Perdição: um bom romance canonizado pelas razões erradas”, um texto do jornalista Luís Miguel Queirós, que oferece uma excelente oportunidade para evocar, no ensino secundário, nas aulas de Português ou de Literatura Portuguesa a obra e a vida de Camilo Castelo Branco.
Após a leitura do texto, cada aluno poderá responder a um questionário, idên­tico ao que se segue.

• Indica que iniciativas para assinalar os 150 anos de Amor de Perdição são referidas no texto.
• Refere o tributo que Luís Miguel Queirós considera o mais original e a razão que apresenta para assim o classificar.
• Menciona quantas edições teve Amor de Perdição no primeiro quartel do século XX.
• Indica quem são as pessoas que o jornalista ouviu e cita Refere o essencial do que é dito por cada uma sobre Amor de Perdição.
• Enumera as personagens do romance de Camilo Castelo Branco referidas no texto.
• Diz qual é o enredo de Amor de Perdição.
• Explica como se justifica o êxito deste livro de Camilo Castelo Branco.
• Refere como é classificado o ritmo da obra por uma das pessoas ouvidas pelo jornalista. Indica que outras características da narrativa são referidas.
• Num outro texto, da autoria do jornalista Sérgio C. Andrade, refere-se que Amor de Perdição é certamente o título da literatura portuguesa mais vezes adaptado ao (pequeno e) grande ecrã. Explica qual a razão apresentada para que tal suceda.
• Diz qual dos filmes referidos preferias ver. Justifica a tua escolha.
• Refere o que ficaste a saber sobre o edifício que se pode ver na fotografia que acompanha o texto.
• Após fazeres uma visita guiada à Casa de Camilo Castelo Branco (clicando aqui), redige um pequeno comentário.
• Depois de leres a síntese biográfica que se encontra no site da Casa de Camilo, diz o que mais te impressionou na vida do escritor.
• Faz uma breve apresentação das obras de Camilo Castelo Branco que há na biblioteca da tua escola.

A Casa de Camilo tem seis exposições disponíveis para empréstimo a instituições de todo o país. Clicando aqui, encontram-se todas as informações.

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>