Pensem nisto

“Mais do que aprender a fazer, as aprendizagens têm de orientar-se para o aprender a pensar. Este é o grande desafio de quem não quer ficar pela ‘sociedade de informação’ e quer entrar decisivamente na ‘sociedade do conhecimento’. Separa estes dois tipos de sociedade a capacidade de utilizar a informação disponível e abundante para produzir novo conhecimento que só esse saber pensar permite. Por outras palavras, essa diferença vai do consumo acrítico da informação disponível à capacidade de produzir nova informação, resultante da elaboração sistemática e racional da primeira.”

David Justino
(Difícil é educá-los. Lisboa: Fundação Francisco Manuel dos Santos, 2010)

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>