Uma cozinha é um mundo

Eu sei que já disse isto aqui, e peço des­culpa pela insis­tên­cia, mas quando uma cozi­nha se trans­forma em muito mais do que uma cozi­nha atra­vés de um tra­ba­lho foto­grá­fico, nunca é demais falar dele. Há mais fotos do Paulo Barata/Guerrilla Food Pho­to­graphy no fes­ti­val do Vila Joya aqui. Deixo uma para per­ce­be­rem o que quero dizer.

O Douro tem tudo, diz o New York Times

Não sou eu quem o diz. É mesmo o The New York Times. Ou melhor, Eric Asi­mov, o crí­tico de vinhos do NYT. Eu digo só que vale a pena ouvir­mos. O texto começa assim: “A região por­tu­guesa do Vale do Douro tem tanta coisa a seu favor que é quase ridí­culo.” E depois enumera: […]

Portugueses premiados

A Aca­de­mia Inter­na­ci­o­nal de Gas­tro­no­mia anun­ciou hoje os seus pré­mios anu­ais, e qua­tro deles foram para por­tu­gue­ses. O Pré­mio de Lite­ra­tura Gas­tro­nó­mica dis­tin­guiu dois livros: Papa-Quilómetros em que o chefe Lju­bo­mir Sta­ni­sic, do res­tau­rante 100 Manei­ras, viaja por Por­tu­gal cozi­nhando com pro­du­tos por­tu­gue­ses; e Cozi­nha com Ciên­cia e Arte, de Joana Moura (que já foi […]

Os primeiros restaurantes

Fas­ci­nante — é o que posso dizer do livro que ando a ler e que foi uma prenda de Natal: The Table Comes First — Family, France and the Mea­ning of Food, de Adam Gop­nik, que escreve habi­tu­al­mente na New Yor­ker. O livro começa com a his­tó­ria do res­tau­rante, em que Gop­nik des­faz o mito […]

Donostia-San Sebastián 2016, capital cultural com comida

Não che­guei a expe­ri­men­tar o kim­chi em Madrid, embora tenha feito uma ten­ta­tiva para encon­trar os tais três cozi­nhei­ros sor­ri­den­tes de que falava no ante­rior post. Mas, ape­sar de durante dois dias me ter ocu­pado sobre­tudo do tema escal­dante de como é que os agen­tes cul­tu­rais vão con­se­guir con­ven­cer o sec­tor pri­vado a apoiar a […]

Kimchi em Madrid

Estou de par­tida para Madrid, daqui a pou­cas horas. Não, não vou ao Madrid Fusión, mas tenho pena. Vou para um outro tra­ba­lho, mas será difí­cil não vis­lum­brar alguma comida numa cidade que durante uma semana se trans­forma na capi­tal gas­tro­nó­mica do mundo (sobre o Madrid Fusión podem ler os tex­tos do meu colega José […]

A lampreia da Das Dores

Este post não é meu. É ver­dade: abri, excepcionalmente, o Mais Olhos Que Bar­riga a outra pes­soa. Mas vocês tam­bém teriam feito isso se tives­sem visto o entu­si­asmo com que o Tiago Bar­to­lo­meu Costa, o crí­tico de artes per­for­ma­ti­vas do PÚBLICO, chegou aqui à redac­ção a falar da lam­preia que comeu em Mon­ção — ao fim de várias horas […]

April e o seu porco

Do fes­ti­val do Vila Joya aca­bei por pro­var ape­nas a comida do chefe fran­cês (3 estre­las Miche­lin) Alain Pas­sard. Mas conheci outros dos che­fes con­vi­da­dos — a única mulher chefe do evento, a inglesa April Blo­om­fi­eld. Foi numa rápida pas­sa­gem pela Her­dade da Malha­di­nha, no Alen­tejo, onde April cozi­nhou o almoço de sábado. Mas foi […]

Vila Joya é um palco

Nunca tinha ido ao Fes­ti­val Inter­na­ci­o­nal Gour­met do Vila Joya, mais conhe­cido como Tri­buto a Clau­dia, numa home­na­gem à fun­da­dora do hotel de Albu­feira, cujo res­tau­rante, sob a direc­ção de Die­ter Koschina, conquistou duas estre­las Miche­lin. Fui na quinta-feira à noite, ao jan­tar apre­sen­tado pelo chefe fran­cês Alain Pas­sard (três estre­las). E per­cebi algu­mas coi­sas. Em primeiro […]