A minha guerra insana contra a natureza

Está em curso, em minha casa, uma guerra de trincheiras entre a força da natureza e a tendência humana para subjugá-la. São duas as frentes de batalha. Uma delas desenrola-se no parqueamento de blocos de cimento diante da entrada. É uma composição harmoniosa, cada peça rigorosamente alinhada com outra, num vasto quadriculado de encher o […]






Dois pombos e três abelhas

Felizmente não havia nenhum pombo morto. Seria a pior forma de regressar das férias: entrar em casa, abrir a porta da varanda e deparar-se com a mórbida criatura trespassada pelos espetos que tínhamos fincado em três grandes vasos. Não somos homicidas avícolas. A estratégia acutilante tinha como única finalidade evitar que os vasos fossem transformados […]