Famílias trocadas

Duas famílias, ambas com quatro filhos, percebem que um deles é muito diferente dos irmãos. A educação que receberam não impediu no entanto (nem permitiu totalmente) que cada um revelasse a sua própria natureza. A dada altura fica a saber-se que houve uma troca entre um dos elementos de cada agregado. E agora? Devolve-se a […]






Homenagear os clássicos para crianças

Uma homenagem à literatura clássica infantil, num livro muito bonito e cheio de referências bibliográficas felizes. Logo nas guardas de abertura, encontramos uma mancha de caracteres que invocam dezenas de títulos e escritores que nos remetem para leituras de infância: As Aventuras de Pinóquio (Carlo Collodi), Um Conto de Natal (Charles Dickens), 20.000 Léguas Submarinas […]






Contos com ética

Um conjunto tranquilo de contos budistas adaptados de versões tradicionais, em que os animais são quase sempre protagonistas. Explica-se no final do livro o que são jatakas, informando-se os leitores de que se trata de ensinamentos de Buda partilhados “através de contos, metáforas e lições que foram passando de mestres a discípulos ao longo dos […]






Um livro-roteiro sobre Lisboa

Eu Li Ali! foi imaginado e criado por uma jovem de 20 anos e é sobretudo por isso que o trazemos aqui — para motivar outros jovens a escrever e a desenhar. É um livro-roteiro. À entrada, convida-se o leitor a entrar numa viagem por Lisboa e pelas palavras de autores portugueses: “Psiu! Pega neste […]






“Quebrar a cabeça” no Dia Mundial do Livro

(Hoje, 23 de Abril, é Dia Mundial do Livro.) Como o nome anuncia, este livro é um quebra-cabeças. Também será o que nós quisermos, basta aceitarmos o desafio do autor e desatarmos a pintar pequenas caixas de cartão ou de papel (caixas de fósforos, de pastas dentífricas, de lâmpadas, de medicamentos, de tisanas, etc, etc). […]






Boa Páscoa e… maçãs sem dentes

Se as Maçãs Tivessem Dentes lança-nos num exercício de imaginação e diversão. Literária e estética. Também pode ser visto como uma prática gramatical da utilização do conjuntivo. Independentemente do propósito de quem o criou, o resultado é o leitor ficar a imaginar “ses” em tudo o que tropeça. E nada tem que ver com a […]






Na boca do lobo (que cheira mal)

Um livro que contém poemas poemas criados a partir de expressões idiomáticas comuns, como “andar com a cabeça na lua”, “fazer uma tempestade num copo de água” ou “ir por maus caminhos”. A que dá título à obra, “na boca do lobo”, mereceu este texto divertido de Sara Monteiro: “Na boca do lobo cheira sempre muito […]






Uma floresta quer-se arrumada?

Um texugo chamado Pedro é obcecado por limpezas e arrumações. Por isso não consegue deixar que a floresta seja o que se espera dela: um espaço natural e vivo, com a “desorganização ecológica” que lhe é característica. “Arrumava e organizava, era um fã das limpezas. Arrumava as flores, e as que eram diferentes, cortava-as logo, com […]






Os pais estão diferentes

No domingo, 19 de Março, assinala-se o Dia do Pai. A verdade é que os pais estão diferentes de outros tempos: cuidam dos bebés, lêem-lhes histórias, não se envergonham de os beijar e abraçar em público, levam-nos ao parque e a todo o lado sem a presença das mães. Não foi sempre assim. Porque também […]






Dia do Pai: mimar os pais com livros

Foto: Getty Images Os pais que mimam também merecem ser mimados. Um pai a amparar ao colo um filho e um livro é um belo quadro. Se o livro falar sobre a relação entre ambos, fica perfeito. Seis títulos para o Dia do Pai: três recentes, três não. Ler mais no espaço Família e Relações […]






Mais uma história às escuras

Mais uma história sem luz eléctrica, como a publicada em 2012, Uma Escuridão Bonita, dos mesmos autores: Ondjaki e António Jorge Gonçalves. Na apresentação do livro na quarta-feira no Correntes d’Escritas, Póvoa de Varzim, o escritor quis dar “uma explicação oficial” sobre estas histórias às escuras: “Não haver luz eléctrica em Luanda ajudou não só […]






Nunca desistir de procurar

Quem não teve já a sensação de ter perdido algo? Sem saber exactamente o quê, de repente apercebe-se de que lhe falta qualquer coisa essencial. E o mais acertado é partir à sua procura. Enfrentando desconforto, obstáculos, tempestades, mistérios, desconhecidos, medos e tudo o mais. Foi exactamente isso que fez o pequeno Mi nesta sua […]






Rudyard Kipling e a filha “Mais-que-tudo”

Doze contos do mesmo autor de O Livro da Selva e que recebeu o Nobel da Literatura em 1907. Histórias Assim foi imaginado para a filha de Rudyard Kipling, a pequena Josephine. Nele se fala sobretudo de animais, numa mistura de verdade, imaginação e humor. Para serem lidas em voz alta, as histórias interpelam directamente […]






Quando a raiva cresce

Começa pequenina, vai crescendo, primeiro alimentando-se de si própria, depois, de muitas outras coisas, ficando surda e cega até se tornar enorme, enorme e explodir, destruindo tudo à volta. “No início, era só uma raivinha à toa. Uma coisa tonta, que nem tinha razão de ser, mas que, mesmo assim, era”, descreve a autora brasileira […]