A alegria de fazer de conta

“Hoje acordei a fazer de conta que estava a dormir. A mãe chegou ao quarto, e eu a fazer de conta que não a senti chegar.” Qualquer criança (ou adulto) se revê nesta descrição. E noutras que se seguem ao longo da narrativa, em que a protagonista se imagina num castelo, “transforma” o seu cão […]