O olhar implacável de Napoleão Pirueta

O filho de Emília e Augusto Pirueta nasceu com “quatro quilos e duzentos gramas, cinquenta centímetros e cara de poucos amigos”. Muito trabalho e arrelias haveria de dar aos pais, à irmã, Júlia, e ao mundo. Dotado de um olhar crítico implacável, “o morador mais novo da casa amarela, mesmo ao lado da farmácia, cresceu com […]






O toiro Serafim, zás, catrapus, pim!

Um livro que é uma festa. Pelas cores, pela história, pela imaginação do motivo da diferença e pela brincadeira feliz com as palavras. “Andava certo dia em passeio, de mão dada com a avó, o Paulinho, na aldeia, mais o Ari, a Luísa e, ohhh, eis que, de repente, avistou, surpreendido, numa manada de toiros, […]