O mar… sempre

Numa altura em que não se pode falar em mar sem pensar em plástico e refugiados, João Pedro Mésseder devolve-nos o prazer de desfrutar dessa imensidão de água salgada, inspiradora, rica, misteriosa e retemperadora. Com emoção e saber. “Apesar de no livro haver um pequeno poema que fala ‘da tragédia dos refugiados e dos migrantes, […]






Rir e versejar

Ritmo, brincadeira, imaginação, jogos de palavras, vocabulário rico e imagens bem-dispostas fazem de Versos Que Riem um livro de que é muito fácil gostar. Se for lido em conjunto e em voz alta, ainda se tornará mais apetitoso… Até porque lá dentro se encontra o Restaurante da Poesia, que tem uma ementa para os dias […]