Quanto mais palavras, melhor

O Jaime coleccionava palavras e agrupava-as. Aprendeu depois que as podia misturar e descobriu a sua voz. Havia certas palavras que captavam a atenção do Jaime. Entre as que ouvia e lia, fazia o seu registo. Podiam ser “palavras leves e doces”, como “luz”, “flor”, “mãe” e “mel”, ou outras “bonitas de duas sílabas”, como […]






Atletas que nos representam

Ainda a pensar nos Jogos Olímpicos, eis um livro que nos dá a conhecer a vida de alguns atletas portugueses. Pequenas biografias para grandes feitos. Do “menino que era pedreiro aos 11 anos e trouxe para Portugal a primeira medalha de ouro olímpica” pela prova de maratona, aos 37 anos (Carlos Lopes), a um outro […]






O que o tempo faz e nos faz

Não pára, já existia antes de nós e perdurará para além de nós. O tempo é o que fazemos dele. Da formação dos continentes ao final do mais recente Outono e à contagem do último minuto, passaram-se milhares de milhões de anos. Sabendo nós que o tempo não pára, o que imaginamos que virá depois? […]






As dúvidas existenciais de um dragão

Adoptado por rouxinóis, Lorenzo não sabe cantar nem voar. Quer ser igual aos pais, mas terá de descobrir o seu talento. Ninguém disse que era fácil. Um ovo grande perdido na floresta é encontrado e protegido por um casal de rouxinóis, Amália e Pavaroti. Dele sairá um dragão trapalhão, mas ainda assim sempre acarinhado pelos […]






Isabel Stilwell escreve sobre D. Isabel, uma rainha valente

Ajudou os desfavorecidos, lutou pela paz e acabou por ser reconhecida como santa. A história de uma rainha corajosa é o que se conta neste livro. Uma Isabel (Stilwell) a olhar para outra Isabel (de Aragão). “Todas as manhãs vou ver o meu avô a fazer a barba. Como o meu avô é rei, o […]






Do outro lado da sorte

Uma história sobre a riqueza e a pobreza na Venezuela, mas podia ser em qualquer geografia. Há sempre quem padeça por nascer “do outro lado”. Ainda assim, há lugar para o sonho. Já não bastava as cheias terem levado a ponte, agora o cabo da tirolesa partiu-se e Juan José não consegue atravessar o rio […]






No tempo em que os animais não falavam

Um manifesto (não panfletário) sobre a destruição da biodiversidade. “Prestem atenção ao grito silencioso e ensurdecedor do nosso planeta e uni-vos!”, pede a autora, Eduarda Lima. “Tudo começou quando um pássaro deixou de cantar. E todos os outros pássaros deixaram de cantar.” Gatos, cães, insectos, galinhas, ninguém se fazia ouvir. Nada de leite das vacas, […]






Emoções em órbita, à volta de nós

Van Gogh dizia ao irmão que não se esquecesse de que as emoções são os capitães das nossas vidas, a quem obedecemos sem saber. Neste livro, somos convidados a contemplá-las e a compreendê-las. Pensado inicialmente para ser um diário com “desafios breves, práticos e criativos, que levassem a olhar à nossa volta, olhar para o […]






Com os olhos (e o coração) no céu

Um livro que é uma homenagem a uma educadora que partiu demasiado cedo e uma ajuda para as crianças lidarem com a perda. Para os outros, também. “Foi quando vi os balões impelidos pelo vento na minha direcção que percebi. Eu tinha estado doente, sentira-me fraca e cansada, cada vez mais fraca, até ao momento […]






O ovo, o ninho e o voo. Depois, as nuvens

Criado para a primeira infância, Aves — Trilogia para Bebés é uma viagem em três actos, com sons lá dentro. Palavras, música, palmas e duas línguas destravadas. Um CD que começou por ser um espectáculo e que se apresenta como “um objecto sonoro para partilhar no casulo familiar”, brincando “com a sonoplastia e com as palavras para […]






Uma homenagem feliz aos mais velhos

A autora reencontra o avô através da memória do banco de madeira em que ele se sentava. A ilustradora vai aos “bolsos das recordações” e também dá de caras com os seus avós. A Geração dos Bancos de Madeira foi escrita, segundo Sara Brandão, numa tentativa ingénua de reencontrar o avô nas coisas mais simples. “Recordo-o muitas […]






A gritar é que a gente se desentende

Discórdia é um livro que também pode ser entendido por crianças, mas que se destina a todos. Fala, sem palavras, da urgência de se criar pontes de entendimento. Com esperança. Integrado na colecção Imagens Que Contam, esta narrativa visual, explica-nos a autora, brasileira, começou assim: “Achei intrigante brincar com a ideia de fazer um ‘livro silencioso’ bem […]






Um conto feliz da tradição judaica

José ganhou uma manta assim que nasceu. Feita à mão pelo avô, que era alfaiate, a coberta vai acompanhá-lo por muito tempo. O autor português da adaptação de A Manta do José, Miguel Gouveia, encontrou uma versão deste texto há cerca de dez anos, no livro Joseph Had a Little Overcoat, de Simms Taback. “Esse texto usa […]






Virginia Woolf para menores

O conto A Cortina da Senhora Lugton foi encontrado entre as páginas do manuscrito do romance Mrs. Dalloway, de Virginia Woolf. Data de 1924, mas não se nota. A senhora Lugton adormeceu com um tecido azul sobre os joelhos. “Estava a ressonar muito alto. Deixou cair a cabeça; os óculos haviam-lhe subido para a testa. Estava sentada perto do […]






A magia do riso (e da amizade)

Rir é bom, fazer rir também. Filipe ria que se fartava, Luís não. Isso não os impediu de se tornarem bons amigos. O título do livro causa estranheza, atrapalha a dicção e provoca logo um sorriso: Síul, Epilif e o Grande Zigomático. Descodificando, Síul é “Luís” ao contrário, Epilif é “Filipe” de trás para diante, Zigomático é o músculo principal responsável pelo […]