Directamente de Singapura

A biblioteca internacional de Letra Pequena online vai crescendo com os contributos dos amigos viajantes. Que bom. Por estes dias, ganhámos esta edição das Histórias Preferidas das Crianças de Singapura. Da autoria de Diane Kay Taylor (texto) e de L.K. Tay-Audouard (grafismo e imagens). Edição Periplus.

As ilustrações que aqui reproduzimos são retiradas do primeiro conto. Uma lenda que explica o nascimento da ilha de Singapura, How the Island of Singapore Came About. Ficamos a saber que a ilha se formou por desobediência de duas irmãs, Sea Pearl e Sea Plum, ao Rei dos Mares, Hai Loong Wang.

A sereia mais nova convenceu a mais velha a que se aventurassem a conhecer o mar (e o mundo) à superfície. O rei descobriu, não gostou e obrigou o mar a recuar. O topo mais alto das montanhas antes submersas, Shilepo, emergiu. Nascia assim a ilha principal de Singapura. As criaturas do reino dos mares, entre elas as manas Sea Pearl e Sea Plum, seriam transformadas em répteis.
Simpático, este rei…

Esta é a contracapa. As personagens são todas gorduchinhas e há sempre uma espécie de névoa a cobrir as ilustrações. E acreditem que (desta vez) não é azelhice técnica nossa.

Pode conhecer melhor o livro aqui.

(Obrigada, Zé)

2 comentários a Directamente de Singapura

Responder a Luis F Cancelar resposta

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>