Festa em Santa Bárbara, sem trovões

Nesta altura do ano não há fim-de-semana sem festa em Santa Maria. Como o segundo dia de corrico feminino foi cancelado por falta de condições de mar, aproveitamos o final de domingo para passear.  De mapa na mão, seguimos a estrada principal (demasiado estreita para passarem dois carros ao mesmo tempo…) que dá a volta […]






Corrico para elas (mas quem conduz são, quase sempre, eles)

Este fim-de-semana pertence às mulheres de Vila do Porto. “É nosso, é a nossa vez”, dizia-nos Isabel Andrade, enquanto ouvia atentamente as regras ditadas pela organização, o Clube Naval de Santa Maria, durante o briefing de sexta-feira. Isabel nunca falhou um corrico feminino – o outro corrico é para todos, este é só para elas. […]






Bailado nas Formigas

Escrevemos no final de um dia longo, ainda com os dedos meios enrugados e a pele da cara curtida pelo sol, depois de nove horas passadas no mar. Mas não há cansaço que apague o sorriso que trazemos no rosto. Dizem que à terceira é de vez, e é mesmo: finalmente, as jamantas responderam “presente” […]






Santa Maria encantada

A ilha que Raul Brandão apelidou de dourada na sua obra Ilhas Desconhecidas,  em 1926, tem afinal múltiplas cores. Santa Maria é verde, é preta, é castanha e avermelhada, e ergue-se às camadas sobre o nível do mar. Do alto das falésias, olhando para o imenso oceano Atlântico, a paleta é outra, em vários tons […]






Pico by the sea

Murakami propunha Kafka, mas aqui fala-se ainda e sempre do Pico. Talvez uma das melhores vistas da ilha-montanha, salvo aquela que vê espreitar o ponto mais alto de Portugal do cimo de um avião, é do mar. Onde antes se caçavam baleias, agora respeitam-se as ditas e os seus colegas de carteira, os golfinhos, enquanto […]






Pico-a-boo

Ora o Pico escondeu-se no sábado mas no domingo, já que a montanha não ia a Maomé, os maomés foram à montanha. Há várias teses e medidas sobre quanto tempo leva a subir – a pé – e a descer – a pé – o Pico. Uma média de cinco horas que ascende às sete ou às três […]