Da primeira Coca-Cola no país às Lajes de americanos “solteiros”

Passar ao largo das Lajes, na ilha Terceira, é descobrir fronteiras invisíveis, marcadas implicitamente a tijolo. À esquerda, o lado português. À direita, a base norte-americana. Ali a freguesia portuguesa, com a igreja, o império, a escola, o centro recreativo, a mercearia. Acolá as vivendas americanas, os bairros com blocos habitacionais de cor amarela, com … Continue a ler Da primeira Coca-Cola no país às Lajes de americanos “solteiros”