Mística Old Bagan

Começamos a odisseia pelos templos – relaxem, não visitamos todos os mais de 2200 e tal que compõem este fantástico complexo – manhã relativamente cedo. O calor ainda não esmaga. E esta luz cristalina convida a explorar espaços exteriores. Atacamos o dia antes que a confusão se instale. Principiamos por três dos mais famosos templos, […]






Problemática Autoridade

Chegar a terra firme nem sempre é fácil. Há natural cansaço (o sol mói e acumula-se o desgaste de estar permanentemente em movimento, em viagem) que habitualmente é incompatível com a agressividade dos que logo nos abordam na ‘praia’, tentando levar-nos para a nossa estadia. Os motoristas de todo o tipo de transporte começaram por […]






A última ceia

A última ceia decorre em restaurante fora da cidade. Há dois muito bem referenciados em Mandalay, vamos para o de mais difícil acesso. Saímos do burburinho da cidade e entramos em zona de trevas. Caminhos mal-amanhados no escuro fazem-nos pensar que estaremos completamente perdidos. As piadas masoquistas acabam pouco depois. Afinal, nada de muito errado […]






Sublime ponte U-Bein

A ponte U-Bein deixou de ser um segredo. Pudera. De tão especial e singular, difícil seria passar despercebida. Até para os locais, que também se sabem tratar bem. Antes de avistarmos a obra de arte de teca, com 1,2 quilómetros e quase 200 anos de idade, deparamo-nos com o rebuliço habitual em lugares de interesse […]






Pagodes, Mosteiros & Monges

Religião é passatempo (com o devido respeito para os crentes) que não me assiste. Demasiados argumentos resultariam em longaaaaaa história, que não vem para o caso. Ainda assim, aprecio as suas mais diversas manifestações. É, por isso, que o longo dia começa com cerimónia religiosa em mosteiro de Mandalay. Não sei se é por ser […]






MANDALAY

A segunda maior cidade do país, depois de Yangon, com 1,250 milhões de habitantes. Na margem norte do Rio Irrawaddy, é o centro cultural da Birmânia e o grande pulmão económico do norte, também impulsionado pela forte imigração chinesa, que já constitui cerca de um terço da população. É, também, uma cidade multiétnica, incluindo elementos […]






15 horas de pura Birmânia

O sol ainda está em sereno descanso quando já estamos na estação de comboio de Yangon. Aconselharam-me a aparecer às 05:30 para comprar o bilhete, mas o entusiasmo – e prevenção – fez-nos chegar meia hora mais cedo. Melhor evitar confusões de multidões. Cenário que, definitivamente, não acontece. Ainda assim, o edifício colonial já tem […]