SHANGRI-LA

Entusiasmante,  a desejada rota para Shangri-La. Seis a oito horas em bom caminho, embora de relevo acidentado.  Subiremos até aos 3.300 metros. Sempre em zona de montanha. O Yangtze – maior rio da china – corre turquesa e, lá no alto, as ‘snow mountains’ que tanto fascinam e orgulham este povo.

A ruralidade vai subindo de tom até às primeiras manifestações da cultura tibetana. Edifícios e as fitas de bandeirinhas típicas da sua cultura. O vento, embala as suas palavras…

Finalmente, SHANGRI-LA

Paraíso da Terra. Essa é a tradução de Shangri-La, nome assumido em 2001 em detrimento de Zhongdian. Marketing reclamado pela China depois de James Hilton (nunca esteve na China) ter escrito o livro “Horizonte Perdido”, em 1933. Supostamente, passado nesta região do globo. Segundo o autor, um lugar místico, um vale harmonioso habitado por gentes pacíficas e que vivem quase eternamente. É sinonimo de paraíso na Terra. O lugar da “eterna felicidade”, isolado do Mundo. Quatro anos depois, Frank Capra levou-o ao cinema. Há quem acredite que é o mítico reino tibetano da tradição budista: Shambala.

Estamos a entrar na entrar na alta meseta tibetana. A 3.300 metros acima do nível do mar. As portas do Tibete.

Foi para este lugar idílico que budistas se refugiaram amiúde, sempre que a “história” os ameaçou. A cidade está dividida entre tibetanos e os chineses Han, a maior etnia do país, com cerca de 92% da população da China. Também encontramos Naxi, Bai, Yi e Lisu. A paisagem, totalmente tibetana.

Há um ano, a tragédia: boa parte da cidade velha ardeu. Não sei o que vou encontrar…

_
Rui Bar­bosa Batista relata no blo­gue Cor­rer Mundo a sua via­gem pela China e Birmânia. No site www.bornfreee.com  pode ace­der a outros rela­tos e ima­gens sobre a viagem.

Esta entrada foi publicada em Ásia, China com os tópicos . Guarde o href="http://blogues.publico.pt/corrermundo/2015/03/21/shangri-la/" title="Endereço para SHANGRI-LA" rel="bookmark">endereço permamente.

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>