MESTIA já tem legado português

Os museus de Mestia mostram as belas histórias da região. Os visitantes (ainda) escasseiam, mas o etnográfico ombreia em modernidade e bom gosto com qualquer um do seu tamanho de toda a metrópole do planeta. A futura pista de ski, alegadamente pronta em quatro anos, dará outra vida e ritmo à muito bem conseguida instituição.

Há um restaurante-bar na praça principal que reúne outro tipo de ‘história’. Conta um pouco sobre os que o visitam e se encantam por estas fantásticas paragens. É aí que entra o primeiro grupo BornFreee Experience. Debate ao saborosíssimo almoço (um dos melhores desta saga) sobre algo que nos identifique. Que conte um pouco da nossa história.

A bandeira de Portugal. A Torre dos Clérigos, a ponte D. Maria, um barco Rabelo e uma garrafa de vinho do Porto foram candidatos assumidos. Grande discussão. And the winner is… O galo de Barcelos!

A Isabel tem uma foto da colorida estátua no centro histórico da cidade. E a Ana tem um traço firme e fiel. No fim, uma verdadeira e original obra de arte. A parede fica com uma crista sui generis, feita de pétalas de rosa. Há espaço para notas musicais e referencia ao Porto.

“Sem dúvida, uma intervenção singular”, admite a gerente. Depois do brilho, nada como mudar de paragens. Embora custe deixar este paraíso despedir-se lentamente do nosso olhar…

__
Rui Bar­bosa Batista relata no blo­gue Cor­rer Mundo a sua via­gem pela
Geórgia, Arménia e Nagorno Karabakh. No site www.bornfreee.com  pode ace­der a outros rela­tos e ima­gens sobre a viagem.

Esta entrada foi publicada em Sem categoria com os tópicos . Guarde o href="http://blogues.publico.pt/corrermundo/2014/05/26/mestia-ja-tem-legado-portugues/" title="Endereço para MESTIA já tem legado português" rel="bookmark">endereço permamente.

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>