Geórgia

A Geórgia é um país situado no Cáucaso, na fronteira entre a Europa e a Ásia. Limita a norte e a leste com a Rússia, a leste e a sul com o Azerbaijão, a sul com a Arménia e a Turquia e a oeste com o mar Negro. Tbilisi é a capital e maior cidade. Considerada uma nação transcontinental, a Geórgia tem um território de 69.700 km² e sua população é de quase cinco milhões. O país é uma república unitária, semipresidencial, com o governo eleito através de uma democracia representativa.

Reinos pagãos da região  adotaram o Cristianismo no início do século IV. O Reino da Geórgia atingiu o auge de sua força política e económica durante o reinado de Davi IV e Tamara I, nos séculos XI e XII. No início do século XIX, a Geórgia foi anexada pelo Império Russo. Depois de um breve período de independência, após a Revolução Russa de 1917, a Geórgia foi ocupada pela União Soviética em 1921, tornando-se a República Socialista Soviética Geórgia e parte da União Soviética. Após a independência, em 1991, a Geórgia pós-comunista sofria de distúrbios civis e de crise económica na maior parte do século XX. Isso durou até a Revolução Rosa de 2003, quando o novo governo introduziu reformas democráticas e económicas.

A Geórgia é um membro do Conselho da Europa. Tem duas regiões de facto independentes, a Abecásia e a Ossétia do Sul, que ganharam reconhecimento internacional limitado após a Guerra Russo-Georgiana. A nação – e grande parte da comunidade internacional – considera as regiões como parte integrante do seu território soberano, sob ocupação militar russa.

__
Rui Bar­bosa Batista relata no blo­gue Cor­rer Mundo a sua via­gem pela
Geórgia, Arménia e Nagorno Karabakh. No site www.bornfreee.com  pode ace­der a outros rela­tos e ima­gens sobre a viagem.

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>