Ti ti kum kum

Finalmente cheguei a Dalat. Esta cidade bizarra, que mais parece tirada de um conto de fadas, passado nos Alpes franceses, é sem dúvida alguma uma pausa refrescante após todo o stress que vivi no último mês.

Com padarias a transbordar de croissants, donuts, bolos absolutamente deliciosos, o único problema que vejo nesta cidade, é que o dinheiro começa a voar da carteira com alguma facilidade. Mesmo assim, não voa ao ritmo europeu. Por um croissant, um donut de chocolate, e um bolo, paguei menos de 1 euro.

O clima aqui também difere bastante do resto do sudoeste asiático. Sinto frio, e pela primeira vez tenho que vestir dois casacos para aguentar estar na rua.

Hoje decidi arranjar um guia para me mostrar as redondezas. Por menos de 15 euros, consegui ver fábricas de seda, café, plantações das mais inúmeras coisas, e consegui sim divertir-me bastante com o “easy rider” que me foi mostrando o caminho na sua Honda “slow rider”.

Ti ti kum kum, repetia ele. “Crazy”, “You say I am crazy in Vietnamese”, dizia, seguido sempre de uma gargalhada. Admito que pela primeira vez desde que cheguei, sinto-me confortável e sinto-me realmente bem. Após um delicioso jantar e mais umas sobremesas, vou descansar mais um pouco. Amanhã espera-me um dia relaxado e tranquilo ainda por Dalat.

Esta entrada foi publicada em Vietname com os tópicos , . Guarde o href="http://blogues.publico.pt/corrermundo/2011/10/03/ti-ti-kum-kum/" title="Endereço para Ti ti kum kum" rel="bookmark">endereço permamente.

7 comentários a Ti ti kum kum

  1. Filipe,

    descobri-te hoje. E que bela descoberta, num dia que me sinto completamente “abafada” por papeis e números…
    Vou seguir-te, e tentar sentir daqui o “cheiro” dos lugares que nos deres a conhecer.

    Responder
    • De momento estou no Vietname. Estive um pouco ausente e fora de acção por causa dos medicamentos para a malária. Amanhã sigo para Quy nhon, e depois Hoi An. Espero chegar a Hanoi no final do mês.

      Responder
  2. Por 3 bolos pagas menos de 1 euro e queixas-te do dinheiro a voar da carteira? Nota-se mesmo que já partiste de Portugal há mais de um mês :p
    Olha, se já não tomas os comprimidos para a malária, aconselho vivamente a arranjares uma lata de insecticida para “esterelizares” o sítio onde dormes, sempre um bocado antes de ires dormir…
    Se conseguires arranjar também um creme anti-mosquito, melhor ainda!
    Continuação de uma óptima viagem, tudo de bom!
    E foje da mosquitada!

    Responder

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>