PÚBLICO

O blogue de 10 políticos em campanha

Comício Público

Era suposto?

A coligação vai repetindo que o PS se enganou quando sucessivamente previu a espiral recessiva, a subida permanente do desemprego e a queda iminente das exportações, a necessidade de mais tempo e mais dinheiro, o segundo resgate e o programa cautelar. No fundo, a coligação vai repetindo que o PS nunca achou que o país fosse capaz de acabar o programa de assistência no tempo previsto e que pudesse começar a crescer a partir daí.

O que a coligação diz menos, e é tão ou mais importante, é que esses sucessivos enganos do PS não são fruto de um discurso de mera oposição. O PS enganou-se sucessivamente porque o modelo económico pelo qual olha o país não concebe que este possa crescer, o desemprego descer, a confiança aumentar, as exportações subir e o financiamento surgir num modelo em que o Estado não aplica o socialismo. Não custa ver a surpresa do PS sempre que os dados revelam recuperação da economia. É mesmo surpresa. Não era suposto.

As frustradas previsões do PS não são assim mero discurso de oposição. São resultado dos equívocos do seu modelo para o país.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *