Enrique Vila-Matas na Festa Literária Internacional de Paraty 2012

“Boa noite. Chamo-me Antonio Tabucchi como todo o mundo. Je m’appelle Antonio Tabucchi comme tout le monde”. Foi assim que Enrique Vila-Matas começou a sua palestra “Música para Malogrados” no sábado à noite, na Festa Literária Internacional de Paraty (FLIP). Podem ler a crónica que escrevi no caderno ípsilon, do jornal PÚBLICO, que foi hoje […]