Portugueses estão a comprar menos livros

No primeiro semestre de 2011 os portugueses compraram menos livros do que no mesmo período de 2010. A descida no consumo foi de 3% e é bem menor do que aconteceu em outras áreas como a electrónica de consumo (menos 13%), o entretenimento (menos 13%) , ou a informática (menos 8%). Estes dados foram divulgados por Ricardo Anaia, da consultora GfK, na apresentação “O Mercado dos Números” que fez no Congresso do Livro, que ontem terminou na Praia da Vitória, Ilha Terceira, Açores.
Continue a ler este texto no PÚBLICO online.

20111030-115451.jpg
Fotografia do stand de Portugal (da APEL) na Feira do Livro de Frankfurt, que aconteceu em Outubro

2 comentários a Portugueses estão a comprar menos livros

  1. Eu deixei de comprar livros em português, recuso-me a promover o novo acordo ortográfico. Compro edições antigas em alfarrabistas e livros em inglês, que são mais baratos. Mesmo assim a queda não é tão grande assim, visto que o futuro são os e-books.

  2. Em 2011 comprei 4 livros, deram-me 3, e ganhei 2 num passatempo. Comparado com 2010, a queda é bem superior a 3%… Contas bem feitas, se calhar o número de livros que comprei em 2011 é 3% (ou nem isso) do que havia comprado em 2010…

Deixar um comentário