O país já não está ali

Será delirante a sensação de que os animais nos olham, cheirando a presença humana que regressa a algo de ancestral, como se dissessem:  “Vocês já estiveram aqui”? O ministro não está no Parlamento, anuncia o telejornal. O país também não. E as histórias deste país não precisam da televisão para existirem. Têm vida própria. Campo […]

Brincar com o fogo

Autobiografias mais ou menos enraivecidas, uma entrega à vertigem com consequências aventureiras – o indie americano ainda brinca com o fogo. “Fazer filmes”, diz Joel Potrykus, realizador de Grand Rapids, Michigan, não lhe sacia a fome de ver os filmes dos outros. Dá-lhe é “menos tempo para ver as cretinices de que é capaz Hollywood.” […]

Coreografias do mundo a ruir em Baltimore

Transbordante é o cinema musical – com canções ou não – de Matthew Porterfield.  Matthew Porterfield, 36 anos, cineasta de Baltimore, três longas-metragens: Hamilton (2006), Putty Hill (2010) e, neste Indie, I Used to Be Darker (19, 6ª, às 16h15, 25, 5ª, 16h15 – S. Jorge). Uma experiência a ser conquistada pelo espectador: chegar próximo […]