Para mudar é preciso querer

Depois de escândalos sucessivos de corrupção, a FIFA – órgão máximo do futebol mundial, por onde passam negócios de milhões – anunciou a sua vontade de fazer reformas claras e efetivas, que trouxessem mais transparência à organização. Para sinalizar esta vontade de “limpar a casa”, foi nomeada uma comissão independente para fazer um conjunto de […]