150 Ativistas internacionais vêm a Lisboa debater a corrupção na Europa

Lisboa

Encontro Europa-Ásia Central da Transparency International é o maior evento anti-corrupção já organizado em Portugal

A TIAC – Transparência e Integridade, Associação Cívica, representante portuguesa da rede global anti-corrupção Transparency International (TI), organiza de 5 a 7 de junho a reunião anual de todos os capítulos da rede TI na Europa e Ásia Central. O encontro, que trará a Lisboa mais de 150 ativistas e especialistas de 46 países, irá discutir o impacto da corrupção na crise europeia e a importância do trabalho da sociedade civil na resposta a este flagelo global.

Ao longo dos três dias de trabalhos, os ativistas da rede Transparency International vão discutir temas como as Parcerias Público-Privadas, os conflitos de interesse dos políticos, o enriquecimento ilícito e a recuperação dos ativos perdidos para a corrupção. É a primeira vez que Lisboa acolhe o encontro anual da região Europa-Ásia Central da Transparency International. A TIAC, representante em Portugal do movimento, é a organização anfitriã.

«Este será o maior encontro de organizações não governamentais contra a corrupção alguma vez realizado em Portugal. Para a TIAC é um motivo de orgulho acolhermos em Lisboa os nossos parceiros internacionais para uma reunião de trabalho que vai apontar alguns dos principais problemas da corrupção a nível europeu e definir estratégias para um combate mais eficaz da sociedade civil», diz o presidente da TIAC, Luís de Sousa.

A crise europeia, a mais grave e profunda no espaço de uma geração, tem provocado uma perda generalizada da confiança nos sistemas político e económico por parte dos cidadãos europeus. O encontro de Lisboa permitirá aos membros da Transparency International definir prioridades e concertar posições sobre o futuro do combate à corrupção em todo o espaço Europa-Ásia Central. «A aliança entre austeridade e corrupção é mortífera para a democracia. Por toda a Europa, os cidadãos sentem-se cada vez mais à margem das suas instituições e procuram novas formas de fazer ouvir a sua voz. É aqui que a sociedade civil tem de assumir o seu papel e é o que faremos em Lisboa. A resposta à crise tem de ser feita com transparência, integridade e responsabilização dos agentes políticos e económicos. É por isso que lutamos na Transparency International», aponta Luís de Sousa.

O encontro internacional será aberto com a conferência pública «Responding to the Crisis: An Opportunity for Transparency & Corporate Compliance», que terá lugar no dia 5 de junho, às 18h00, no campus do Instituto Universitário de Lisboa – ISCTE.

A conferência reúne especialistas nacionais e estrangeiros para refletir sobre o impacto da crise económica no clima de negócios e a necessidade de reforçar os controlos e mecanismos de transparência corporativa a nível mundial. «Vivemos um tempo de enormes desafios para os setores público e privado. Queremos liderar o debate acerca destes desafios – e das oportunidades para uma retoma económica sustentável, continuada e que recupere a confiança dos cidadãos e dos investidores», explica o presidente da TIAC.

 

«Responding to the Crisis:
An Opportunity for Transparency & Corporate Compliance»

ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa
5 Junho 2013 – 18h00

Keynote speech:

Nicola Bonucci, Director for Legal Affairs, OCDE

Debate:

Elena Panfilova, Diretora Executiva, Transparency International Russia

Boaventura de Sousa Santos, Professor de Sociologia, Universidade de Coimbra

João Ermida, Especialista no Setor Financeiro, TIAC

Jermyn Brooks, Chair, Business Advisory Board, Transparency International; Chair, 10th Principle Working Group, United Nations Global Compact

Gualter Crisóstomo, Corporate Governance Manager, Centre for Excellence and Innovation in the Automotive Industry (CEIIA)

Moderador: Christian Humborg, Diretor Executivo, Transparency International Alemanha

Entrada livre

Esta entrada foi publicada em Sem categoria com os tópicos , , . Guarde o href="http://blogues.publico.pt/asclaras/2013/06/05/150-ativistas-internacionais-vem-a-lisboa-debater-a-corrupcao-na-europa/" title="Endereço para 150 Ativistas internacionais vêm a Lisboa debater a corrupção na Europa" rel="bookmark">endereço permamente.

4 comentários a 150 Ativistas internacionais vêm a Lisboa debater a corrupção na Europa

  1. Pingback: A TIAC – Transparên­cia e Inte­gri­dade, Asso­ci­ação Cívica, rep­re­sen­tante por­tuguesa da rede global anti-corrupção Trans­parency Inter­na­tional (TI), orga­niza: | demimatravesdemim

  2. Pingback: Debate “Responder à Crise: Uma Oportunidade para a Transparência e Transparência e Integridade” | Democracia e Dívida

Deixar um comentário

O seu email nunca será publicado ou partilhado.Os campos obrigatórios estão assinalados *

Podes usar estas tags e atributos de HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>